Never Stop Dreaming
...
Mas sim como as rochas que tudo suportam.
Não é depressão, nem bipolaridade, nem preguiça de viver e muito menos cocaína. É só um acúmulo de tristezas, decepções e mágoas, que tem como resultado esse rosto cansado e este coração tão frágil que insiste em ser forte.
A Escritora de Bar.  (via quase-heroi)
Posted 7 Julho 2014, Há 4 dias | 3.381 notas | reblog this post
(originally nevarias / via quase-heroi)
Mas não há nenhuma lágrima. Estou cansada ou entorpecida demais para chorar.
Jogos Vorazes.    (via serenavas)
Posted 7 Julho 2014, Há 4 dias | 14.805 notas | reblog this post
(originally rabiscador / via serenavas)
Os livros… Eles me ajudaram a não perder completamente a cabeça.

Liberta-me.  
  (via serenavas)
Posted 7 Julho 2014, Há 4 dias | 1.112 notas | reblog this post
(originally t-h-e-b-o-o-k-s / via serenavas)
Posted 7 Julho 2014, Há 4 dias | 493.650 notas | reblog this post
(originally black-and-white-gifs / via definitive)
Posted 7 Julho 2014, Há 4 dias | 23.581 notas | reblog this post
(originally permeate / via futuro-heroi)
Posted 7 Julho 2014, Há 4 dias | 15.101 notas | reblog this post
(originally in-fuck / via insexs)
Posted 7 Julho 2014, Há 4 dias | 81.108 notas | reblog this post
(originally i-n-v-e-r-n-a-l / via insexs)
Não acredito em um “estou com saudades” se não vier acompanhado de um “como faço para te ver?”
Chorão.     (via engrandece)
Posted 7 Julho 2014, Há 4 dias | 56.171 notas | reblog this post
(originally b-ordel / via engrandece)
Posted 4 Julho 2014, Há 1 semana | 724.548 notas | reblog this post
(originally ffcking / via mysterymachinee)
Posted 4 Julho 2014, Há 1 semana | 41.213 notas | reblog this post
(originally c-isnenegro / via mysterymachinee)
Posted 4 Julho 2014, Há 1 semana | 11.569 notas | reblog this post
(originally unconfuses / via quase-heroi)
Às vezes faz falta ter um lugarzinho escondido onde a gente possa depositar todos os segredos, dúvidas e medos. Onde a gente possa respirar aliviado, ter alguma paz e um pouco de conforto. Onde tudo esteja calmo, puro, limpo. Onde nada atinja, machuque ou atormente. Onde ninguém conheça ou tenha notícia. Um lugar só nosso, com cara de casa e jeito de vó.
Clarissa Corrêa    (via serenavas)
Posted 4 Julho 2014, Há 1 semana | 12.444 notas | reblog this post
(originally porredesaudade / via serenavas)
Posted 4 Julho 2014, Há 1 semana | 59.004 notas | reblog this post
(originally naughty-couples / via insexs)
Por muitas vezes na vida, não sabemos que atitudes tomar, como e quando devemos agir. E se após esta ação algo irá mudar e se esta foi realmente a certa. É ai que entram em ação os nossos sonhos. Eles são partículas de realidades que gostaríamos que acontecessem. Na maioria dos casos, eles nada mais passam de imaginações, e são desenvolvidos por nossas mentes, nossos corações, e de lá não saem. Mas há um período na vida, em que temos que nos decidir. Ver o quanto vale à pena cada fragmento de sonho e lutar. Correr atrás de nossos objetivos, de nossos ideais para assim conseguir viver. Eu acredito que a melhor maneira de encarar a vida, é depositar em uma boa razão para vivermos nos nossos sonhos. Eles ao contrário de pessoas, não nos machucam.

theme por nostalgia-surreal; base por amar-gura e memorias agridoces; alguns detalhes da heylove e elasocurtejackdaniels; não seja um filho da puta, crie vergonha nessa sua cara, e faça o favor de não copiar nada aqui. Obrigado rsrs














1 2 3 4 5 »